Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Histórias de Amor

Blogue das aventuras de quatro bebés e os conselhos de um pediatra.

Histórias de Amor

20
Jun18

Treinador de bancada, até ao último minuto

Revista Saúda

2_dia002.jpg

Já decidi que vou ver os jogos da nossa selecção em casa. Não é muito recomendável que os veja na rua. Sou aquele tipo de espectador que encaixa no paradigma de treinador de bancada, e que me convenço seriamente que os jogadores são capazes de ouvir as minhas espectaculares indicações, durante a partida.

Sou também muito emocional e fortemente crítico dos jogadores – porque no fundo aquilo é extremamente fácil, e, se fosse eu corria mais e marcava mais golos. E, claro, o árbitro está sempre a roubar a equipa que estou a apoiar, como é evidente.

2_dia017.jpg

Daniel

19
Jun18

Chamar a música

Revista Saúda

 

 Nesta fase, o Dinis é muito curioso com aquilo que o rodeia. Tudo serve para brincar sejam os próprios brinquedos, os do irmão ou qualquer outro objecto da casa!

Acima de tudo, ele gosta muito de coisas que façam barulho. O piano do mano é o seu objecto preferido. Ele costuma ficar junto ao móvel da sala a bater nas teclas e a “curtir” o som. Outra coisa que ele gosta muito de fazer é jogar tudo o que apanha para o chão desde carrinhos, colheres, bolas, a bonecos… Ele atira, grita e, depois, vai tentar apanhar.


Luís

12
Jun18

Portugueses e com orgulho!

Revista Saúda

 

_DSC9870.JPG

Desde criança que eu e o desporto nunca fomos muito próximos. A verdade é que, em miúdo, tinha pouco jeito para lidar com a bola e, por isso, o meu interesse por futebol, daí para a frente, nunca foi muito. Mas sou um simpatizante do Benfica. 

Apesar de não dar grande importância ao futebol, os jogos da nossa Selecção mexem sempre com as nossas emoções. Sinto sempre que o ambiente vivido no estádio chega a nós. E o momento do hino é bastante forte e emotivo. Sou um português orgulhoso do nosso país e da nossa história.
Este ano, depois de sermos campeões da Europa, a fasquia está alta. Com a qualidade da nossa equipa, acredito que podemos chegar longe e, quem sabe, ganhar o Mundial. Este primeiro jogo é um grande desafio pois estaremos perante Espanha, é preciso pensar que sairemos vitoriosos.


Luís

 

09
Jun18

Rumo à vitória

Revista Saúda

_DSC0067.JPG

Admito que não tenho muita afinidade e simpatia por futebol. No entanto, tudo o que diz respeito ao meu país tem um significado especial. Gosto sempre de saber se Portugal vence, ou não, os jogos.

Não tenho nenhum jogador preferido, mas admito que o Cristiano Ronaldo não me é indiferente, não só pelo seu desempenho como desportista, mas também pela sua história de vida
Habitualmente, não faço grandes apostas em relação a resultados finais, mas, obviamente, faço votos para que Portugal saia vitorioso no seu primeiro jogo contra nuestros hermanos espanhóis. 

Zara

Publicidade

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D