Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Histórias de Amor

Blogue das aventuras de quatro bebés e os conselhos de um pediatra.

Histórias de Amor

29
Dez18

Mini lua de mel

Revista Saúda

8feb92fb-0ec1-4ea7-b460-8a9313b93ad2.JPG

 

Escrevo este texto a pensar em todos os Pais, para que nunca se esqueçam de que tudo passa, menos o amor. É importante registar esses momentos, vivê-los com intensidade. Para festejar os meus 39 anos, decidi presentear-nos com uma fuga a dois. Afinal, passaram quase cinco anos desde a primeira gravidez e os momentos a dois foram escassos. Saí mais cedo do trabalho, tinha tudo preparado. Combinei com o Hugo estar em casa às 16h00, fomos buscar os pequenos à escola, deixámo-los na minha mãe e partimos para o romance. Vivemos momentos a dois, conversamos, rimos, relembrámos a nossa história e ficou a vontade de repetir mais vezes. Na manhã seguinte o Hugo foi buscar os pequenos para que o meu dia de aniversário fosse passado em família. No coração dos pais ficam para sempre gravados os gestos de amor dos filhos, mesmo quando ausentes e no coração dos filhos também. Por isso valeu muito a pena esta fuga a dois.

Vera

 

17
Mai18

Escapadinha a Lisboa

Revista Saúda

Um dia fomos a Lisboa e tivemos umas horas de namoro. Aproveitámos para passear junto ao rio e ir comer um pastel de Belém. Andámos ali a namorar um bocadinho e deu para relembrar que já ali tínhamos andado no princípio do namoro.  Foi sobretudo diferente porque há muito tempo que não tínhamos um momento só os dois. Foi um programa a repetir.

Vera

 

namoro vera .JPG

 

Gostei principalmente de estar sem stresse. De sentir-me descomprometido, embora quando chegou o fim do dia lá por volta das cinco horas já estávamos a pensar: como é que estarão os catraios? Chega-se a uma hora em que passa a fase do sonho e começamos a cair na real. As nossas responsabilidades regressam e voltamos a encarnar o papel de pais.Independentemente de termos estado só os dois, o nosso sexto sentido está sempre activo a pensar neles. Por muito que queiramos abstrair dos filhos, é impensável fazê-lo na totalidade.

 Hugo

Publicidade

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D