Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Histórias de Amor

Blogue das aventuras de quatro bebés e os conselhos de um pediatra.

Histórias de Amor

13
Set18

O tom e o som

Revista Saúda

ANF_bebe_Fundão_Ago18_15.jpg

 

Não serei um hipnotizador de bebés, mas o meu tom de voz grave e masculino faz a diferença na percepção dos miúdos. A Vera é muito mais liberal. Eu também os deixo brincar, mas quando chega a altura de os chamar à razão, têm de obedecer. Eles já sabem quando o pai diz: «não falo mais sobre o assunto» têm mesmo de cumprir. Resulta mais com a Margarida, porque o Rodrigo ainda não tem muito essa percepção. Terá talvez ao ponto de saber que quando lhe falo o tom de voz faz diferença. Sinto que apreende minimamente. Ele é muito agarrado à mãe, mas sabe que gosto muito dele, só que quando falo um bocadinho mais alto, já interpreta muito bem o som e o tom e tem de acatar.

 

Hugo 

Publicidade

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D