Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Histórias de Amor

Blogue das aventuras de quatro bebés e os conselhos de um pediatra.

Histórias de Amor

24
Nov19

Lanches alternativos

Revista Saúda

_DSF3739.jpg

A escola do Rodrigo tem a preocupação de os lanches não terem açúcares nem outros produtos processados. Habitualmente, a combinação é pão com leite ou com iogurte natural. Como o Rodrigo está habituado a comer coisas um pouco diferentes ao lanche tais como panquecas ou bolachas saudáveis, por vezes enviamos um complemento para a escola. Ele gosta muito de comer cajus e arandos e, por isso, às vezes metemos alguns numa caixa para ele comer por lá.

Ana

13
Nov19

Arriscar

Revista Saúda

 

_DSF3440.jpg

O Rodrigo sempre foi muito desenvolvido no que toca à linguagem e por isso, para já, a escola tem sido uma ferramenta importante sobretudo no desenvolvimento motor. Como lá têm um espaço exterior muito bom, todos os dias ele e os outros meninos vão à rua brincar, trepar e saltar. Noto-lhe uma evolução nesse campo. Está mais desenvolto quando dá saltos ou tenta dar uma cambalhota. É visível que tenta arriscar mais. 

Ana

10
Nov19

Tento na língua

Revista Saúda

 

_DSF3465.jpg

No outro dia, enquanto conduzia, fiz uma travagem mais brusca no carro e disse: - «Ai, caraças!». Ao ouvir-me, o Rodrigo começou a repetir o que eu tinha dito. - «Ai caraças, ai caraças!», dizia ele. Não há dúvida de que temos mesmo de ter cuidado com o que dizemos. Ele é um verdadeiro papagaio e repete tudo o que falamos.

Diogo

05
Nov19

Por perto

Revista Saúda

ANF_Bebe_Belem_net__008 Alexandre Vaz.jpg

Cá por casa, quando chega a hora de o Rodrigo dormir tentamos cumprir uma rotina: jantamos e, depois, procuramos acalmá-lo sem ecrãs nem estímulos que o excitem muito. Brincamos os três na sala e, a seguir, vamos para o quarto onde, todos os dias, lhe lemos uma ou várias histórias. O Rodrigo sempre precisou de nos ter por perto para adormecer. É assim até hoje.

Ana

02
Nov19

- «Mas, mas...»

Revista Saúda

 

_DSF3716.jpg

O Rodrigo tem dois anos e quatro meses e, para nós, esta é sem dúvida a fase do testing Two. Nestas semanas em particular não tem parado de dizer a palavra «mas». Tanto diz «mas eu quero…» como «mas eu faço…». Por outro lado, testa-nos porque repete tudo aquilo que dizemos no fim das frases (risos). Embora às vezes confunda os tempos verbais já é capaz de descrever o que lhe acontece. É uma fase muito engraçada, de muita conversa, partilha e muitos desafios.

Ana e Diogo

29
Out19

A tia Sofia

Revista Saúda

Hoje o testemunho é da minha irmã Sofia, que muitas vezes ajuda os meus pais a tomar conta do Rodrigo quando vamos passar o fim de semana fora.

Diogo 

#MLP 20190628 bebe sauda rodrigo lisboa 069.JPG

«Estou a adorar a experiência de ser tia, porque no fundo é ser um bocadinho mãe, mas sem responsabilidades maternais. Sinto que fico só com as partes boas. Já tinha alguns primos mais novos e um afilhado que está na escola primária, por isso sempre tive contacto com bebés e com crianças, mas assim tão próximo como com um sobrinho é a primeira vez e estou a adorar a experiência. 

Por vezes quando a Ana e o Diogo vão de fim semana ou a alguma festa o Rodrigo fica com os meus pais. E como moro perto acabo por dar esse apoio porque os meus pais têm outros compromissos e acabo por ficar com o meu sobrinho, por vezes até em minha casa e gosto de ficar com ele.»     

Sofia Onofre

Publicidade

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D