Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Histórias de Amor

Blogue das aventuras de quatro bebés e os conselhos de um pediatra.

Histórias de Amor

21
Jan18

Momento nanana

Bebé Saúda

Sempre que estou sozinho com a Margarida ela resolve ter um daqueles ataques de choro e eu faço o que posso, mas nada resulta. Se calhar era mais eficaz eu ficar sentado e quieto e esperar que ela parasse de chorar, mas como esse parar de chorar nunca mais chega eu vou tentando fazer tudo e mais alguma coisa a ver se a acalmo. A regra é que ela chora quando lhe apetece. E sim canto, canto o que me vier à cabeça. É o nananana. É o que for preciso. Não será propriamente um momento terno e íntimo em que lhe faço uma serenata. É mesmo um cala-te por favor. Em rima.

Daniel 

Furadouro043.jpg

 

O show do Daniel (pai)

Às vezes chego ao quarto e ele anda aqui a dançar com a Margarida. Em tronco nu, porque fica cheio de calor. Anda para trás e para a frente. Depois senta-se e volta a levantar-se. Canta, dança e abana-se. Normalmente não resulta, mas é um espectáculo digno de se ver.  

Ana

1 comentário

Comentar post

Publicidade

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D